4210663646.8dd5717.de874b916a494287b38e584ca2eda12c

No meio dos macacos

Este é o melhor pôr-do-sol de Catmandu. Falamos do templo de Swayambhunath, mais conhecido por templo dos macacos, o que faz todo o sentido por duas razões: em primeiro lugar porque podes perder anos de vida a dizer a palavra “Swayambhunath”; depois, porque na verdade há um montão de macacos por lá. E quando eu falo que são muitos, refiro-me a largas centenas. Mas há mais! Catmandu é a cidade em que eu estive com mais cães abandonados. Ora podem imaginar a cowboyada que isto é! Além de ser um templo misto (Hindu e Budista), é também um templo multi-animal, contando com as galinhas e vacas que podem aparecer ao virar de cada esquina.

Mas eles dão-se bem e isso é o que importa. Até conhecemos um macaco chamado Bobi e um cão chamado Adriano.

Fora a zoologia, o templo dos macacos é um dos lugares mais preciosos da cidade. Tem mais de 2000 anos, sobreviveu ao terramoto de 2015 e está situado numa colina onde se consegue ver todo o vale de Catmandu, criando um quadro fantástico de se observar. Vale a pena visitar.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *