4210663646.8dd5717.4ed10a068bfa43919b8ef325deeb109f
Viagens 100 Nomes - Almograve

Cultiva-se tranquilidade em Almograve

Dirigimo-nos a conta-gotas para o Sul. Se procuramos algo, não sabemos. Talvez tranquilidade, que não se encontra, mas cultiva-se.

Estamos em Almograve e, até agora, as bússolas têm-nos apontado para praias mais desconhecidas e menos frequentadas. Não nos levem a mal. Não nos achamos especiais e continuamos a gostar de pessoas. Estas é que às vezes não toleram cães e o nosso bicharoco gosta de estar sem trelas, sem sinais de controlo a animais e sem olhares de lado reprovadores.


Temos tido sorte. Por estes lados nascem praias a cada 
obra da nossa costa. Os acessos, desajeitados, tornam tudo mais divertido. Afinal a recompensa é enorme. Areias limpas e despoluídas, enfeitadas por algas verdes e secas. As rochas, rodeiam-nos.

Enfeitiçam-nos com a sua história contada através dos seus sábios sedimentos, alguns já velhos e curvados. As pedras rolam porque o mar assim o quer e, entre elas, criam a sua própria música.


Hoje falei com a Ana acerca das nossas viagens. Do quanto é difícil nos surpreendermos com as praias de outras costas. A explicação está aqui. De onde vos escrevo. Ainda bem que estamos mal-habituados.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.